Search

Embalagens de Lâminas de Barbear

A primeira lâmina de barbear foi criada em 1895 pelo americano King Camp Gillette (foto abaixo). Em parceria com o engenheiro mecânico William Nickerson, a lâmina de barbear ganha tecnologia para se tornar um produto comercial.


É inaugurada a era de produtos descartáveis. Durante as décadas de 1920 e 1930, a maioria das lâminas de barbear eram produzidas nas mesmas fundições e vendidas para centenas de empresas que as embalavam e as distribuíam nos diversos países.

A forma do produto sempre foi basicamente a mesma. As lâminas eram produzidas com aço branco, azul ou dourado e diferenciadas entre si como "extra", "superior" e "superextra", embora as mesmas características fossem realmente comuns a todas elas.

O diferencial das lâminas era a marca e o design da embalagem.







Embalagem associada à Dom Juan.
Masculinidade, força, beleza, sensualidade.








"Resolve o seu problema!"

"Fazendo milhões felizes"


Claro, a Gillete.

Essa embalagem reinou absoluta no mercado brasileiro.

Aqui a Gillete anuncia que está aposentando este 
produto e lançando o barbardor em forma de cartucho.



***

Siga o De Toda Forma:
Facebook - https://www.facebook.com/detodaforma
Google+ - http://gplusid.com/DeTodaForma
Twitter - https://twitter.com/detodaforma
Tumblr - http://detodaforma.tumblr.com

5 comentários:

  1. To adorando esses posts de embalagens antigas!!!! Maravilhas!!!
    Abração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom João! Obrigado pela presença e continue acompanhando nossas postagens! Uma ótima semana!

      Excluir
  2. Nossa... Muito bom saber da histórias da lâmina de barbear...
    Quem diria, hein?

    Beijos !!!

    http://www.blogintest.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Andressa! Obrigado por participar! Uma ótima semana!

      Excluir
  3. Tenho pele extremamente sensível e sempre sofri até com as Gillette Sensors de 3 lâminas. Até descobrir o barbear antigo utilizando uma boa lâmina como essas acima (Gillette Silver Blue, Astra, Derby, Personna Red...compradas no eBay) usando com Safety Razor ou Navalhete (quebrando a lâmina no meio) + um bom Pincel de Barbear (sintético da Cade ou com pêlos de texugo ou crina de cavalo) + um bom sabão/creme de barbear (Arko ou Nivea pele sensível...esqueçam os sprays) ou Óleo de Barbear (Shave Secret) que substitui o sabão/creme de forma extremamente eficaz...como Pós-Barba uso o importado Arko para peles sensíveis, Boticário Azulen ou um manipulado pelo Dermatologista (1% Clindamisina, 2% Aloe Vera, 50g Gel não iônico QSP)...Enfim não sofro mais com o barbear e confesso que agora me divirto fazendo a barba!!! À moda antiga ainda é a melhor forma de fazer um barbear perfeito e sem irritar a pele. Esqueçam as Sensors e Sprays de barbear, esses produtos embora mais modernos, não são de forma alguma melhores que o método antigo...em muitos países a moda antiga está retornando com força, pois os consumidores redescobriram a arte do verdadeiro barbear!

    ResponderExcluir