Search

Tarsila do Amaral: cubismo e brasilidade

Com influência cubista e forte conceito de brasilidade, nas cores e nos temas, Tarsila do Amaral é uma pintora que fez história no movimento modernista brasileiro. O quadro Abaporu, de 1928, inaugura o movimento antropofágico nas artes plásticas.

O CCBB está com a exposição "Tarsila do Amaral — Percurso Afetivo" até o dia 29 de abril. Uma boa oportunidade para ver de perto as telas da artista.

Antropofagia
A Negra
Abaporu
Caipirinha
Carnaval
A Cuca
Feira
Morro da Favela
Operários
Sol Poente


Serviço:
Tarsila do Amaral – Percurso Afetivo
Quando: 14 de fevereiro a 29 de abril
Onde: CCBB-Rio de Janeiro (Rua Primeiro de Março, 66 – Centro)
Entrada franca



***

CURSO - DESIGN GRÁFICO PARA SOCIAL MEDIA

Vídeo aulas do curso + um Super Pack com mais de 40 artes prontas + inúmeros recursos para criar suas próprias artes. Confira aqui.

DESIGN GRÁFICO PARA SOCIAL MEDIA

3 comentários:

  1. Inegavelmente, um marco.
    A única obra que não gosto é a Antropofagia, o início...
    Espero que não confunda o cubismo com Cuba. rsrsrs
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Antropofagia (1929) não está entre as primeiras obras de Tarsila. Essa obra, assim como Obaporu, pertencem à fase do Movimento Antropofágico.

    Obaporu e Antropofagia são telas magnificas!!!

    ResponderExcluir
  3. ficou muito legal eu adoro cubismo

    ResponderExcluir